Eletrobras e Ende iniciam estudos de inventário hidrelétrico binacional

Levantamento indicará melhor alternativa de potencial hídrico para divisão de quedas na bacia do rio Madeira; Estudo será realizado pela WorleyParsons Engenharia, com recursos parciais do CAF

A Eletrobras e a estatal boliviana Ende – Empresa Nacional de Electricidad iniciaram em março os estudos de inventário hidrelétrico binacional em parte da bacia do rio Madeira e seus principais afluentes, localizados em territórios de ambos países. O levantamento está sendo parcialmente financiado pelo Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF), contando também com recursos das próprias empresas envolvidas.

O estudo será dirigido pela empresa WorleyParsons Engenharia, contratada após licitação internacional em 2017. Entre 3 a 11 de maio deste ano, profissionais da empresa e técnicos da Eletrobras e Ende realizaram uma viagem de reconhecimento da área de estudo. Tal atividade permitiu efetuar uma caracterização prévia do local, bem como a identificação das ações que merecem destaque nesta primeira etapa de trabalho. As atividades relativas ao inventário têm um prazo previsto de 18 meses.

A WorleyParsons contará com um escritório local na cidade de Guajará-Mirim, em Rondônia, servindo de apoio para a realização da pesquisa técnica em campo. O escritório também irá servir como base para a implantação do Plano de Comunicação e Interação Social, que irá atender a área compreendida no estudo em questão.