Bandeira para baixa renda será verde em fevereiro

Mecanismo esta sendo aplicado apenas a beneficiários da tarifa social de energia elétrica

A bandeira tarifária para os beneficiários da Tarifa Social de Energia Elétrica continuará verde em fevereiro, informou a Agência Nacional de Energia Elétrica nesta sexta-feira, 28 de janeiro. Com isso, não haverá custo adicional a ser pago na conta de luz dos consumidores de baixa renda, que tem direito a descontos de 10% a 65% na conta de luz.

A bandeira tarifária tradicional tem sido aplicada desde setembro do ano passado apenas para quem tem acesso à tarifa social. Para os demais consumidores do Sistema Interligado Nacional vale a bandeira Escassez Hídrica, que representa valor adicional de R$ 14,20 a cada 100 kWh consumidos.

De acordo com a Aneel, os descontos da Tarifa Social também são aplicados aos valores de bandeira que são pagos pela população de baixa renda. O custo extra só é cobrado nos meses em que a bandeira é amarela ou vermelha.