Copel Energia irá representar geradora como comercializador varejista

Contrato com usina de Pinhão será o primeiro do gênero no país

A Copel Energia anunciou que acaba de firmar contrato com a CGH Reinhoffer, de 440 kW e localizada em Pinhão, na região central do Paraná, para representar a geradora no mercado livre. O contrato é o primeiro do gênero firmado na modalidade varejista no Brasil, onde até então, apenas consumidores se faziam representar por comercializadoras nesta modalidade, regulamentada em 2015 pela Aneel com a finalidade de estimular a participação de empresas de pequeno porte no Ambiente de Contratação Livre.

Na modalidade varejista, o agente comercializador substitui o gerador nas obrigações e responsabilidades perante a CCEE. “É uma alternativa para geradores que não tem como principal negócio a comercialização de energia e para pequenos consumidores que pretendem atuar no mercado livre mas que não contam com equipe própria para tanto, como bancos, supermercados e redes varejistas”, explicou Antônio Justino Spinello, diretor da Copel Energia.

Apenas seis empresas comercializadoras, entre elas a Copel, estão habilitadas pela CCEE para atuar como agentes varejistas, representando geradores e consumidores no ACL. “O atendimento à CGH Reinhoffer vai nos permitir ajustar procedimentos e processos para ampliar nossa atuação nessa nova modalidade, que exige do agente de comercialização grande capacidade de avaliação de riscos e oportunidades”, completou Spinello.