Startup do setor capta R$ 500 mil em nova rodada de investimento via EqSeed

Empresa especializada em soluções para aproveitamento energético fecha sua segunda rodada pela plataforma de equity crowdfunding, aprovada pela CVM

A ProSumir, startup especializada em soluções para aproveitamento energético, acaba de captar R$ 500 mil em uma nova rodada de investimentos por meio da EqSeed, primeira plataforma de equity crowdfunding para startups aprovada pela CVM. Essa é a segunda rodada de investimentos feito para a empresa, que no final de 2016 captou R$ 300 mil pela plataforma.

De acordo com o sócio-fundador da EqSeed, Brian Begnoche, as novas rodadas de investimento das empresas investidas demostram prova de tração, uma valorização no papel que indica uma probabilidade aumentada de ganhos de capital a serem realizados no longo prazo. “O potencial das empresas e a possiblidade de venda da participação no futuro, obtendo um grande lucro, é o grande benefício de se investir em startups. O sucesso dessa rodada é mais um indício de que a ProSumir está nesse caminho”, avaliou o economista.

Para o sócio-fundador da ProSumir, Julio Vieira, a empresa oferece uma solução eficiente para um problema de grande escala no mundo. “Para se ter uma ideia, só no Brasil, o desperdício de energia térmica é superior a 16 gigawatts por ano, o que daria para fornecer energia para todo o estado do Rio Grande do Sul. Em dinheiro, o desperdício anual é de aproximadamente R$ 20 bilhões”, pontuou. A boa notícia, segundo o executivo, é que o mercado já se mostra disposto e atento a alternativas, o que vem impulsionando o crescimento da empresa.

O executivo acrescentou ainda que grandes corporações já utilizam ou estão em vias de implantar a solução interesse no projeto, citando a Marfrig com TRP instalada. Já na Ambev e Votorantim, as TRPs estão na fase de fabricação para serem instaladas em 2019, o que revela um forte potencial de mercado. “Com esses contratos, vamos superar a marca de R$ 1 milhão de receita anual para a primeira vez este ano. Além disso, devemos iniciar 2019 com aproximadamente R$ 2 milhões em pedidos, o que deve fazer com que a empresa dobre de tamanho”, revelou, completando que as soluções podem ser utilizadas em indústrias de alimentos, bebidas, papel, celulosa, petroquímica, agronegócio, termelétricas, hotéis e hospitais, o que mostra o potencial de mercado a ser explorado.

Amadurecimento

A ProSumir é um forte exemplo do amadurecimento das startups selecionadas pela EqSeed. Desde 2016, a plataforma concluiu 20 rodadas de investimento, com valores individuais entre R$250mil e R$ 2 milhões – montante recorde do equity crowdfunding brasileiro, captados respectivamente pela Agrotech Horus Aeronaves e pela Cervejaria 3 Cariocas. Atualmente, a fintech peer to peer lending IOUU está captando R$ 1,2 milhão.

Para Begnoche a ideia é seguir o mesmo caminho dos mercados fora do Brasil, que depois dos primeiros anos de operações começaram a apresentar follow on funding, rodadas de venture capital para as empresas que previamente captaram seed capital. Com isso, investidores da plataforma tem ganhos de capital no papel, como precursor para as saídas lucrativas que começam a se realizar a partir de 4 ou 5 anos pós investimento. “Diversificar a carteira via investimentos em startups é uma tendência mundial, e com cada vez mais exemplos de saídas lucrativas no mercado, não é difícil entender o porquê”, finalizou.