Escola de eletricistas da Neoenergia lança primeira turma exclusiva para mulheres

Iniciativa da Coelba visa capacitar o público feminino para exercer atividades em instalações elétricas prediais e nas redes de distribuição de energia da concessionária baiana, buscando promover a igualdade de gênero

Com o objetivo de capacitar mulheres interessadas em exercer atividades em instalações elétricas prediais e nas redes de distribuição de energia, a Coelba, subsidiária da Neoenergia na Bahia, lançou a primeira turma da Escola de Eletricistas voltada exclusivamente para o público feminino. O projeto, gratuito, foi lançado nesta segunda-feira, 19 de agosto, com presença do CEO da companhia, Mário Ruiz-Tagle, do diretor presidente da Coelba, Fulvio Machado, e do governador baiano, Rui Costa.

A iniciativa é inédita para a região Nordeste e está sendo promovida em parceria com o Senai da Bahia, na capital Salvador e no interior do estado, e será expandida para as outras distribuidoras da Neoenergia. Serão abertas quatro turmas no estado, com um total de 100 vagas, exclusivamente para mulheres, sendo 25 vagas em cada turma. Desde 2018, o curso da Escola de Eletricistas já teve mais de 25 turmas, a maioria composta por alunos homens. A previsão é que até o ano que vem sejam formados outros 2462 eletricistas.

A ideia da companhia é criar turmas específicas para incentivar a inclusão das mulheres nesse mercado, ainda tido pela sociedade como majoritariamente masculino, além de levar em consideração o compromisso com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), que colocam a Igualdade de Gênero como uma das grandes metas globais a serem atingidas até 2030. “Temos a expectativa de que as mulheres formadas neste curso possam ingressar na Coelba nas vagas disponibilizadas até 2021, em continuidade ao plano de internalização de eletricistas que vem sendo realizado pela empresa desde 2018”, revela Fúlvio Machado.

Inscrições

Para participar da seleção é preciso ter concluído o ensino médio ou equivalente,  ter no mínimo 18 anos na data de inscrição no processo seletivo, residir em Salvador ou proximidades. O curso possui carga horária de 596 horas e as aulas terão início em outubro.

O processo seletivo contará com prova escrita de português e matemática, avaliação psicológica, teste prático, além de entrevista para avaliação de perfil técnico.  As candidatas selecionadas terão direito a vale transporte durante todo o curso. As inscrições, também gratuitas, devem ser realizadas a partir das 15h do dia 19 de agosto até 18h do dia 25 de agosto, exclusivamente pela internet, através deste site.