Taesa aprova pagamento de R$ 186,5 milhões a acionistas

Operação que acontecerá em 29 de novembro envolve R$ 121,1 milhões à título de dividendos intercalares e R$ 65,3 milhões de juros sobre o capital próprio

O Conselho de Administração da Taesa aprovou a distribuição de aproximadamente R$ 186,5 milhões de proventos a seus acionistas, sendo R$ 121,1 milhões à título de dividendos intercalares e R$ 65,3 milhões por juros sobre o capital próprio, informou a companhia em comunicado ao mercado divulgado na noite da última quarta-feira (13). A operação leva em consideração as demonstrações financeiras intermediárias levantadas em 30 de setembro deste ano.

O pagamento dos dividendos intercalares e JCP ocorrerá no dia 29 de novembro de 2019, com base na posição acionária do dia 19 de novembro de 2019. A partir do dia 21 de novembro de 2019, as ações e units passarão a ser negociadas na Bolsa ex-dividendos e JCP. Do valor a ser pago a título de JCP será deduzido o Imposto de Renda na Fonte, conforme legislação em vigor, exceto para os acionistas imunes ou isentos, que deverão comprovar suas situações até o dia 22 de novembro.