Leilão A-1 termina com R$ 80,5 milhões negociados

Enel Rio, Cemar e CEA foram as únicas compradoras

Em menos de 30 minutos, o leilão de energia existente A-1 terminou nesta sexta-feira, 6 de dezembro, com R$ 80,5 milhões em contratos negociados. O preço médio de venda de R$ 158,37/MWh representou um deságio de cerca de 16,65% em relação ao preço teto de R$ 190/MWh. Participaram como compradoras as empresas Enel Rio (262.526.316 MWh), CEA (44.979.509 MWh) e Cemar (201.270.175). O leilão A-1 tem período de suprimento de 1º de janeiro 2020 e término em 31 de dezembro de 2020. Não foi possível identificar os agentes vendedores. O leilão A-2 está previsto para ser iniciado às 11:00, segundo a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica.