Mercado da Copel tem expansão de 3,3% em 2019

Volume de energia vendido pela distribuidora, Copel GT, comercializadora e pelos parques eólicos apresentou crescimento de 11,8% no ano

O mercado fio da Copel Distribuição apresentou crescimento de 4,5% no consumo de energia no quarto trimestre de 2019. No consolidado do ano o índice foi de expansão de 3,3%. A energia vendida no trimestre somou 7.763 GWh e no ano 30.428 GWh. Esse volume corresponde ao mercado cativo, pelo suprimento a concessionárias e permissionárias dentro do estado do Paraná e pela totalidade dos consumidores livres existentes na sua área de concessão, ajustado pela saída dos consumidores em 230 kV da base de comparação.

A estatal paranaense explica que esse resultado observado decorre, principalmente, do crescimento de 7,2% no consumo do mercado livre no trimestre, com o avanço da produção industrial do Paraná de 8,9% no mês de outubro, sendo que os setores que mais contribuíram para o aumento do consumo de energia foram de produtos alimentícios, fabricação de veículos automotores, reboques e carrocerias e fabricação de produtos de borracha e de material plástico. No ano o consumo do ACL na área da Copel aumentou em 7,9%.

Outro fator foi a elevação de 2,9% no mercado cativo, influenciada pela maior temperatura média registrada no último trimestre do ano. A venda de energia nesse ambiente totalizou 5.036 GWh no quarto trimestre, destaque para o aumento do consumo na classe residencial, onde somou 1.928 GWh entre outubro e dezembro de 2019, registrando um crescimento de 5,6%, devido ao aumento do consumo médio mensal para 168 kWh/mês, uma variação de 3,7% em comparação com o mesmo trimestre de 2018, resultado das temperaturas elevadas no mês de outubro, 14% superiores às registradas em 2018.

O número de clientes aumentou 1,9% ante o mesmo período de 2018. O consumo industrial recuou 9,8% tanto no trimestre quano no ano. Na classe comercial houve crescimento de 2,8% de outubro a dezembro e de 1,7% no ano. Na rural a expansão foi de 10% e de 3,2%, respectivamente.

O fornecimento de energia elétrica da Copel, que representa o volume de energia vendido aos consumidores finais e é composto pelas vendas no mercado cativo da Copel Distribuição e pelas vendas no mercado livre da Copel GT e da Copel Comercialização, registrou crescimento de 5% entre outubro e dezembro de 2019. O total de energia vendida pela Copel, composto pelas vendas da distribuidora, da subsdidiária de geração e transmissão, pelos complexos eólicos e da comercializadora em todos os mercados, atingiu 12.551 GWh no quarto trimestre de 2019, representando um crescimento de 10,8%. No ano o volume aumentou ainda mais, 11,8%.