Cemig atua em P&D contra erosão em solos de linhas de transmissão e distribuição

Projeto quer criar dispositivo de drenagem superficial transportável de alta aplicação

A Cemig desenvolve o projeto de Pesquisa & Desenvolvimento “Desenvolvimento de técnicas de bioengenharia de solos para drenagem superficial e controle de erosões lineares em Linhas de Transmissão e Distribuição”. O objetivo é construir um dispositivo de drenagem superficial transportável e de elevada eficiência de aplicação, denominado “Canaleta Verde Pré-Semeada. O projeto vem sendo executado desde 2018, com previsão de conclusão em 2021. O custo total do empreendimento é de aproximadamente R$ 4,5 milhões, com cerca de 75% desse valor financiados pela Cemig, por meio de recursos do Programa de P&D regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica. O projeto foi proposto pela Ingá Engenharia e Consultoria e desenvolvido de forma cooperada entre várias empresas do setor elétrico. A Universidade Federal de Viçosa também participa da iniciativa.

A implantação de obras de recuperação ambiental de processos erosivos ao longo das Linhas de Transmissão e Distribuição requer, na maioria das vezes, a execução de dispositivos de direcionamento e dissipação de energia da drenagem superficial, chamados ‘run-off’. Geralmente, estes dispositivos são executados utilizando concreto, rochas e outros materiais de peso elevado, o que dificulta o transporte e aumenta o custo financeiro e os impactos ambientais, além de inviabilizar a sua implantação em locais de difícil acesso.

Segundo o engenheiro de Meio Ambiente Nilton Fernandes de Oliveira, gerente da iniciativa por parte da Cemig, alguns resultados iniciais já podem ser observados, como, por exemplo, a implantação de parcelas experimentais do projeto localizadas nos municípios mineiros de Três Marias e Córrego Danta, bem como a publicação do livro “Utilização de técnicas de bioengenharia de solos no controle de erosão e recuperação de áreas degradadas em empreendimentos do setor elétrico brasileiro: premissas gerais”. De acordo com ele, o livro traz uma série de experiências e estudos de caso do setor elétrico relacionados ao combate aos processos erosivos ao longo de Linhas de Transmissão e Distribuição.