Siemens fecha parceria com a TI Safe para segurança cibernética

Áreas regulatórias e de infraestruturas críticas do setor elétrico são os principais focos da multinacional

A Siemens fechou uma parceria estratégica na área de segurança cibernética com a brasileira TI Safe, visando um maior controle sobre ativos do setor elétrico. A associação possibilitará a empresa oferecer um escopo ainda mais completo dentro do segmento aos seus clientes, englobando a avaliação da segurança digital por meio de diagnósticos específicos e estratégicos, afirma o gerente de Aplicações da multinacional, Paulo Antunes.

A solução também prevê a implementação de projetos de segurança cibernética abrangendo produtos, pessoas e processos, além da manutenção do serviço ao longo do tempo por meio do monitoramento no Security Operation Center (SOC), ajudando a atender demandas que poderão surgir a partir do debate entorno da necessidade de uma intervenção regulatória na área para infraestruturas críticas de energia.

Na parceria, a empresa brasileira oferecerá o serviço de monitoramento contínuo de ameaças por meio do ICS-SOC e entregará um serviço especializado para clientes industriais e do setor elétrico. “Mostramos para os nossos clientes que um projeto de segurança cibernética não tem início, meio e fim. É um tópico que exige manutenção contínua ao longo do tempo. Com a TI Safe, conseguiremos aprimorar essa nossa proposta de valor para o mercado”, conclui Antunes.