Equatorial anuncia obras para expansão da rede em 23 cidades do Pará

Aporte de R$ 20 milhões prevê duas linhas de distribuição em 138 kV e uma interligação com benefícios a 170 mil famílias no nordeste do estado

A Equatorial Energia anunciou que irá entregar três grandes obras nos próximos 90 dias para melhoria na rede de distribuição no nordeste do Pará. O investimento é de aproximadamente R$ 20 milhões e objetiva acompanhar a expansão de mercado prevista para os próximos anos, o que demanda a modernização e implantação de estruturas que atendam às necessidades da população como um todo.

Entre os destaques estão as implantações de duas novas linhas de distribuição em 138 kV, uma entre os municípios de Primavera e Salinas e outra entre Capanema e Bragança. Outra obra a ser entregue será a interligação do município de Tome Açú, que ganhará mais um ponto de suprimento, também em 138 kV o que, por consequência, diminuirá o excesso no sistema elétrico da cidade sem prejudicar os pequenos comerciantes locais.

Nos 23 municípios contemplados em todas as obras, 170 mil famílias serão beneficiadas, com o ponto de conexão de Tomé Açu atendendo a demandas de mercado da região e facilitando ainda mais o trabalho no comércio, indústrias e de campo.

Para os próximos anos, a Equatorial Pará prevê o segundo linhão entre os municípios de Castanhal e Terra Alta. O aporte para a obra em curso é de R$ 8 milhões e deve atender cerca de 80 mil clientes. Com a conclusão, os municípios de Terra Alta e Castanhal irão se igualar a outras grandes cidades do estado do Pará em infraestrutura de energia elétrica, passando a dispor de mais de uma fonte de alimentação local, com efeitos também para outros 11 municípios próximos.