Leilão: lote 10 é arrematado pelo Consórcio BRE6

Esse foi o primeiro lote com projetos subterrâneos no país, deságio ficou em 66,93% despois de disputa no viva voz

O Consórcio BRE6 apresentou lance  de R$ 15.1 milhões e arrematou o lote 10 do leilão de transmissão de 2020. O deságio foi de 66,93% sobre a RAP máxima de R$ 45.654.380,00. O projeto está localizado no Ceará e tem investimentos previstos pela Aneel em R$ 316 milhões.

É o primeiro do leilão que  prevê o enterramento de uma linha de transmissão. Estavam habilitados 16 proponentes e recebeu 13 propostas. Foi o primeiro lote do certame disputado em viva voz com variação de R$ 250 mil para cada oferta e cinco ofertas.

O empreendimento é formado por:

– LT 230kV Fortaleza II – Dias Macedo II, C1 e C2, com 7,6 km (trechos subterrâneos);
– SE 230/69 kV Dias Macedo II ,3 x 200 MVA.

O consórcio é formado pelas empresas Enind Energia e Participações Ltda., Enind Engenharia e Construções Ltda., Brenergia Energias Renováveis Ltda. e Brasil Digital Telecomunicações Ltda.

 

(Nota da Redação: matéria atualizada em 17 de dezembro de 2020 às 10:44 para inclusão de informação sobre a composição do consórcio vencedor)