Chesf vai reduzir vazão de Sobradinho para 900 m³/s

Objetivo da decisão conjunta com ONS é manter o volume de espera na hidrelétrica Luiz Gonzaga

Em decisão tomada junto ao Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), a Chesf anunciou que irá reduzir a vazão da hidrelétrica de Sobradinho (1 GW) de 1.100 m³/s para 900 m³/s a partir da próxima quinta-feira, 14 de janeiro, visando manter o volume de espera da UHE Luiz Gonzaga (1,4 GW) e diante do fato de que a o reservatório de Xingó opera com defluência de 1.000 m³/s.

O reservatório de Sobradinho encontra-se atualmente com volume útil de 49,14%, afluência de 1.800 m³/s e defluência de 1.103 m³/s. A redução corresponde a uma diminuição de 40 MW na sua geração de energia, valor compensado pela produção nas demais usinas da Cascata do São Francisco, não impactando no valor global de geração da empresa, que atualmente se encontra no patamar de 3,2 GW.