Falha em subestação corta 511 MW em São Paulo

Desligamento na subestação Guarulhos afetou cargas da Enel e EDP na manhã da última segunda-feira (02)

Um desligamento automático da barra B de 345 kV da subestação Guarulhos (SP) às 8 horas do últim0 domingo, 2 de maio, provocou a interrupção de 511 MW de cargas na região metropolitana da capital paulista, sendo 391 MW da Enel Distribuição São Paulo e 120 MW da EDP São Paulo, informa o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS).

No boletim diário, o Operador afirma que a seção A do empreendimento e a linha de transmissão Norte/Guarulhos C2 estavam desligadas no momento da ocorrência, atendendo a uma intervenção programada.

Segundo a Enel Brasil, o desarme no ativo de Furnas afetou outras duas subestações da transmissora Cteep, interrompendo o fornecimento de energia nas regiões Norte, Leste, Centro e parte do ABC paulista.

Em nota, Furnas afirmou que a SE Guarulhos foi normalizada em 20 minutos.

Já o restabelecimento da rede iniciou a partir da transferência de 50 MW de cargas da EDP, processo concluído em 19 minutos após o desarme, com a energia da Enel sendo recomposta em 23 minutos.