Cemig-D vai usar sistema desenvolvido pelo Cepel

Sinape.Net será usado como solução em novo sistema de coleta e análise de oscilografias em subestações.

A Cemig-D (MG) passará a usar o sistema Sinape.Net, desenvolvido pelo Cepel para análise de perturbações em sistemas elétricos de potência, como solução base de seu novo sistema de coleta e análise de oscilografias em subestações. O novo sistema será fornecido pela empresa Concert Technologies, vencedora do pregão eletrônico realizado recentemente pela Cemig-D.

O projeto já foi homologado pela concessionária mineira, e sua fase de implantação se iniciará em breve. A expectativa é de que, com o novo sistema, baseado no Sinape.Net, a Cemig-D ganhe ainda mais agilidade no processo de análise de ocorrências e reestabelecimento da rede elétrica, alcançando melhores índices de confiabilidade e otimizando a disponibilidade do sistema elétrico.

O Sinape.Net é um sistema computacional de gerenciamento e análise de oscilografias digitais projetado para aumentar a agilidade do processo de análise de perturbações. Foi desenvolvido inicialmente em colaboração com Furnas, Light e CGT Eletrosul, sendo adotado, hoje, por diversas empresas do setor elétrico nacional, como Cemig-GT, Isa Cteep, Engie, Copel e Evoltz. Merece destaque também sua utilização pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico, como parte integrante do SPERT, sistema de oscilografia responsável pela recepção e análise automática de todos os oscilogramas gerados na rede básica.

De acordo com o pesquisador Marco Antonio Macciola Rodrigues, gerente do projeto, o sistema usa recursos computacionais avançados para extrair e exteriorizar o máximo possível de informações das oscilografias. As rotinas de análise automática de distúrbios e de localização de faltas desenvolvidas pelo Cepel foram refinadas no uso diário pelas grandes concessionárias de energia elétrica do país.

Além de permitir acesso à central de oscilografias da empresa por meio de interface web, o sistema realiza análise automática dos arquivos, visando à identificação das ocorrências de maior interesse por meio da classificação dos distúrbios. Também calcula, automaticamente, a localização da falta em linhas de transmissão, utilizando dados de um ou dois terminais, pelos métodos de impedância e de ondas viajantes.

Rodrigues enumera outras funcionalidades importantes do Sinape.Net, como a interface web, que permite exibição de sinais analógicos e digitais, oferecendo diversos recursos para facilitar a análise manual. A interface também possibilita a visualização georreferenciada de eventos. Além disso, o sistema coleta oscilografias em campo, utilizando protocolos padronizados, e faz back up dos arquivos e dos registros de bancos de dados de eventos antigos, reduzindo o gasto de espaço em disco e melhorando o desempenho do banco de dados do ambiente de produção. O sistema também possui uma configuração adaptável às particularidades de cada empresa.

De acordo com a Concert Technologies, a demanda da Cemig-D engloba o fornecimento de uma solução completa de dados de oscilografias em RDPs, relés, concentradores, abrangendo coleta e conversão de formato dos arquivos de registros de perturbações e criação de uma base de dados unificada, a ser disponibilizada em um servidor central para acesso de diferentes equipes da empresa. O engenheiro Eduardo da Silva Amaral Norberto, do Departamento de Produção da Concert conta que há o desafio de implantar uma solução robusta de coleta e análise automática de oscilografia na Cemig-D. Segundo ele, nesta primeira fase, serão integrados 350 IEDs de registro de perturbações em 20 subestações, e na fase final serão aproximadamente 4.500 IEDs em mais de 400 subestações.

Eduardo afirma que a escolha do Cepel como principal parceiro da Concert se deve ao fato de os softwares COLETOR e Sinape.Net, além de cumprirem os requisitos técnicos, serem consolidados no mercado e utilizados pelas principais concessionárias de energia elétrica do Brasil. Para ele, outro fato motivador é que o Cepel dispõe de uma equipe excepcional, formada por profissionais que detêm amplo conhecimento e experiência sobre o tema.