Copel inicia operação de subestação no Norte do Paraná

Com investimento de R$ 5 milhões, SE de Santa Amélia atenderá 1.827 unidades consumidoras

A Copel iniciou a operação da subestação de Santa Amélia, no Norte Pioneiro, no Paraná. A SE, que teve investimento de cerca de R$5 milhões, atenderá 1.827 unidades consumidoras do município e das vizinhas Bandeirantes e Abatiá e pertence ao programa Confiabilidade Total, que prevê investimentos em tecnologia para reduzir as quedas e melhorar a confiabilidade do fornecimento em todo o Estado.

A distribuidora informou que a SE opera em 34,5 mil volts e segue modernos padrões construtivos, com iluminação em LED, operação remota e reversão automática, que permite alteração da fonte de alimentação sem a necessidade de intervenção humana. Outras duas subestação em padrões semelhantes estão em fase final de construção na região, em Salto do Itararé e Sapopema. E uma unidade de maior porte deve ficar pronta no final do ano em Joaquim Távora.

De acordo com a Copel, a subestação de Santa Amélia é a segunda a ser colocada em operação pelo programa Confiabilidade Total, que no final de maio já havia energizado uma unidade no município de Antônio Olinto, no Centro-Sul paranaense. As duas subestações têm potência de transformação de 7 MVA (megavolt-ampère), com a vantagem de atender as cargas de maneira mais próxima e assim evitar perdas no sistema.