STI Norland inicia projetos para usinas solares no Brasil com a Nebras Power

Com a parceria, o projeto irá instalar mais de 5.800 trackers pelo Brasil totalizando mais de 266,7 MWp

A STI Norland, empresa de fabricação de rastreadores solares de eixo único e estruturas fixas, começou no final de março a entrega dos trackers para dois novos projetos: Francisco Sá, em Minas Gerais, e Lavras, no Ceará. Ambos os projetos são de propriedade majoritária da Nebras Power, empresa internacional de investimento em energia com sede no Catar. Juntas, as duas novas plantas irão somar 266,7 MWp.

De acordo com a empresa, para usina em Francisco Sá, a STI Norland fornecerá 2.459 trackers, que irão gerar 114,3 MWp. Já o projeto Lavras, no Ceará, contará com 3.362 trackers da STI Norland, garantindo 152,4 MWp de potência. Ao todo, os dois novos projetos somam 5.821 trackers, que já estão sendo instalados pelo país. O tracker utilizado nos projetos é o STI-H250, dual-row na configuração 1V, que oferece o melhor LCOE do mercado. Esse produto se destaca por sua adaptabilidade a módulos bifaciais, maior resistência a ventos e sua engenharia otimizada.

A comercialização da energia gerada será feita pela própria empresa detentora das plantas, que faz acordos de aluguel de parte dos espaços das usinas para empresas dos mais variados ramos, como varejo, telecomunicações, entre outras.