EDP Renováveis assina PPA de 127,5 MW com a Procter & Gamble

Por 15 anos companhia fornecerá energia para 40% das necessidades das fábricas da P&G a partir de dois parques eólicos com operação para 2023

A EDP Renováveis garantiu um contrato de 15 anos para fornecer energia elétrica (PPA, em inglês) para a Procter & Gamble. O contrato envolve 127,5 MW e evitará a emissão de mais de 130 mil toneladas de CO2 por ano, estando vinculado a dois projetos eólicos que entrarão em funcionamento a partir de 2023.

A negociação envolve cerca de 40% da energia necessária para abastecer as fábricas da P&G em toda a Europa, a partir dos parques em Peñaflor (Valladolid), com 100 MW, e Sierra de la Venta (Albacete), com uma capacidade de 47,5 MW. Destes, 27,5 MW fazem parte do PPA assinado com a P&G.

Atualmente a EDPR conta com 0,6 GW de capacidade garantida na Espanha que entrarão em funcionamento a partir de 2021. Segundo a companhia, o êxito em garantir novos PPAs reforça a estratégia de crescimento baseada no desenvolvimento de projetos competitivos com um perfil de baixo risco.