Aneel convoca Neoenergia Brasília e pede melhorias no atendimento

Agência elabora Plano de Resultados para qualidade do fornecimento de energia. Após temporais, distribuidora está com efetivo de 630 trabalhadores para atuar o sistema

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica se reuniu na manhã desta quarta-feira, 1º de dezembro, com dirigentes da Neoenergia Brasília para exigir ações imediatas para melhorar o fornecimento de energia elétrica no Distrito Federal. A convocação ocorreu após o registro de diversas interrupções de energia no DF no último final de semana – além de um aumento de 96% das reclamações registradas contra a distribuidora entre março e novembro deste ano, em comparação ao mesmo período do ano passado.

O diretor-geral da Aneel, André Pepitone, cobrou esclarecimentos sobre qualidade na prestação do serviço de distribuição no Distrito Federal. De acordo com ele, tem se constatado piora no atendimento aos consumidores pelos canais de atendimento e um aumento do tempo para restabelecer as interrupções quando há ocorrências de falta de energia. Segundo ele, é urgente que a concessionária apresente ações emergenciais para melhorar a qualidade do serviço em Brasília.

Na reunião com os dirigentes da distribuidora, a fiscalização da Aneel, apresentou à Neoenergia o diagnóstico sobre a situação do fornecimento que apontou piora nos indicadores coletivos de continuidade DEC e FEC. A concessionária firmou o compromisso de apresentar, em 24 horas, um plano de ações emergenciais para os próximos meses. Entre as ações recomendadas pela agência está a ampliação da capacidade de atendimento e a maior agilidade no tempo de resposta ao consumidor. Além do diretor-geral da Aneel, também participaram da reunião o CEO do grupo, Mário Ruiz, a diretora-presidente adjunta, Solange Maria Pinto Ribeiro, o presidente da Neoenergia Distribuição de Brasília, Frederico Candian e outros dirigentes da distribuidora.

A Aneel está elaborando um Plano de Resultados com a Neonergia Brasília com ações e obras que a concessionária deverá implementar para a melhoria da qualidade do fornecimento de energia na sua área de concessão. Constam do rol medidas como a construção de uma linha de distribuição 138 kV, instalação de um transformador 138/69kv em SE e instalação de 186 religadores; Manutenção e roçagem em linhas de distribuição, além da reforma de 2 Subestações, Substituição de equipamento em SE e obras de melhoria em redes de distribuição. Com essas ações, a distribuidora prevê atingir os indicadores regulatórios de qualidade em dezembro de 2022.

Em outubro deste ano, foi solicitado à Neoenergia Brasília um plano de contingência para enfrentamento do período úmido em Brasília, além de ações que serão realizadas para melhorar o atendimento às ocorrências emergenciais.

A Neoenergia Brasília colocou mais 321 profissionais para atuarem na operação e no atendimento para normalização de ocorrências em diferentes áreas do Distrito Federal, devido à continuidade das fortes chuvas da segunda-feira, dia 29 de novembro. Com o reforço na operação, a empresa passou a contar com um efetivo de aproximadamente 630 trabalhadores, entre eletricistas, técnicos e engenheiros, para atuar diretamente no sistema elétrico. Os recursos empregados montadas reduziram, nesta terça-feira, o número de ocorrências de mil para 250.

Segundo a empresa, os chamados registrados pelos clientes no sábado e no domingo passados foram todos atendidos e tiveram o fornecimento restabelecido. Além dos 98 profissionais que já estão reforçando os trabalhos, a partir desta quarta-feira, 1º de dezembro, mais 81 trabalhadores das demais distribuidoras do grupo estão se deslocando para o DF para executar ações preventivas e emergenciais.