Renova conclui venda da Brasil PCH

Empresa liquidou antecipadamente empréstimo com a Quadra Gestão de Recursos e reduz em R$ 740 milhões o endividamento do grupo

A Renova Energia concluiu a venda da Brasil PCH nos termos previstos no edital da referida UPI e no Plano de Recuperação Judicial do Grupo Renova. Com a transação, a companhia transferiu a totalidade das ações ordinárias, para os demais acionistas da Brasil PCH pelo valor de R$ 1,1 bilhão.

Segundo comunicado da empresa, os recursos obtidos com a transação permitiram a liquidação antecipada do empréstimo na modalidade Debtor in Possession (DIP) por meio de uma cédula de crédito bancário estruturada pela Quadra Gestão de Recursos, conforme havia sido divulgado em Fato Relevante do dia 05 de março de 2021.

Além da quitação do DIP, os recursos destinam-se à quitação de determinados credores concursais e extraconcursais, ao cumprimento de outras obrigações do Plano de Recuperação Judicial, às obras de conclusão do Complexo Eólico Alto Sertão III – Fase A e às demais atividades operacionais da companhia.

“A conclusão da presente Transação representa mais um importante marco no soerguimento da Companhia permitindo a redução de cerca de R$ 740 milhões do endividamento de todo o Grupo Renova”, destacou.