Aneel autoriza 39,1 MW entre operação comercial e teste

Agência reguladora decidiu ainda pela suspensão da operação comercial da CGH Companhia Tecidos Santanense

A Agência Nacional de Energia Elétrica autorizou a operação comercial, a partir de 18 de maio, de unidades geradoras das eólicas São Salvador e Acácia, que juntas, totalizam 35,1 MW de capacidade instalada, e estão localizadas no estado da Bahia. Para operação em teste foram liberados 4 MW da UTE Paulínia Verde localizada no estado de São Paulo.

A Aneel decidiu ainda suspender a operação comercial da unidade geradora 1, da CGH Companhia Tecidos Santanense (Usina Carioca), localizada no estado de Minas Gerais. De acordo com a Nota Técnica no 62/2022-SFG/ANEEL, inicialmente a Santanense é autoprodutora, utilizando a energia gerada apenas em seu empreendimento para consumo próprio. Entretanto, considerando o rompimento do conduto de adução causado pelas chuvas persistentes e excessivas ocorridas na região no período de dezembro/21 a fevereiro/22, o empreendedor informou que não se opõe à suspensão da operação da central geradora de energia elétrica, configurando a ocorrência grave. Ainda de acordo com a publicação, o Agente informou que a previsão para retorno à operação da unidade geradora da Usina Carioca será para dezembro de 2022.