Olá, esse é um conteúdo exclusivo destinado aos nossos assinantes
Para continuar tendo acesso a todos os nossos conteúdos, escolha um dos nossos planos e assine!
Redação
de R$ 47,60
R$
21
,90
Mensais
Notícias abertas CanalEnergia
Newsletter Volts
Notícias fechadas CanalEnergia
Podcast CanalEnergia
Reportagens especiais
Artigos de especialistas
+ Acesso a 5 conteúdos exclusivos do plano PROFISSIONAL por mês
Profissional
R$
82
,70
Mensais
Acesso ILIMITADO a todo conteúdo do CANALENERGIA
Jornalismo, serviço e monitoramento de informações para profissionais exigentes!

O Grupo Ludfor anunciou o início das operações das primeiras centrais fotovoltaicas da empresa no Nordeste. As usinas Inajá e Buíque estão localizadas em Pernambuco e têm capacidade para gerar 8.976 MWh e 5.039 MWh por ano, podendo atender a um total de 23 mil habitantes. Possuem respectivamente 4,32 MWp e 2,34 MWp de capacidade instalada, tendo gerado 460 empregos diretos e indiretos na região. Recentemente a companhia inaugurou uma filial no Nordeste, em Alagoas.

Os empreendimentos angariaram R$ 34 milhões em investimentos e operam sob a modalidade de Geração Distribuída Compartilhada, permitindo a união de diversos consumidores em um consórcio, com a divisão de custos e benefícios da usina. A energia gerada é enviada para os sistemas das distribuidoras locais e utilizada como crédito para abater nas contas de energia dos consumidores participantes deste consórcio.

Na Origem Energia, braço de geração de energia da Ludfor, existem nove usinas solares e hídricas em operação, 15 em construção e 20 unidades em fase de projeto. As plantas do grupo têm previsão de entrar em operação até 2025. Os empreendimentos em operação, construção e projeto admitem uma potência total de 121 MW, sendo a maioria de usinas hídricas, complementadas agora pelas UFVs.