Olá, esse é um conteúdo exclusivo destinado aos nossos assinantes
Para continuar tendo acesso a todos os nossos conteúdos, escolha um dos nossos planos e assine!
Redação
de R$ 47,60
R$
21
,90
Mensais
Notícias abertas CanalEnergia
Newsletter Volts
Notícias fechadas CanalEnergia
Podcast CanalEnergia
Reportagens especiais
Artigos de especialistas
+ Acesso a 5 conteúdos exclusivos do plano PROFISSIONAL por mês
Profissional
R$
82
,70
Mensais
Acesso ILIMITADO a todo conteúdo do CANALENERGIA
Jornalismo, serviço e monitoramento de informações para profissionais exigentes!

Terminou às 10h38 desta sexta-feira, 01 de dezembro, o leilão de energia A-1, com preço médio de venda de R$ 90,97/ MWh, preço Marginal de R$ 91,68/ MWh e deságio de 9,03%. Os número de lotes contratados chegou a 473, somando 473 MWmédios. O total de energia transacionado ficou em 8.298.312,000 MWh em um montante de R$ 754,9 milhões, segundo a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica.

A maior compradora foi a Enel Ceará, com 3.206.687,700 MWh, seguida pela Enel São Paulo, com 3.066.504,634 MWh. Também compraram energia Enel Rio, Equatorial Pará, Equatorial Maranhão e Equatorial Piauí. Na parte dos vendedores, o destaque ficou com a Enel Trading e o banco BTG Pactual. Além deles, venderam energia: Alupar, EDP Comercializadora, Gold Energia, Itaú Comercializadora e Squadra.

O leilão A-2, com preço inicial de R$ 150/MWh, está marcado para iniciar às 11:20 horas, de acordo com a CCEE.