Olá, esse é um conteúdo exclusivo destinado aos nossos assinantes
Para continuar tendo acesso a todos os nossos conteúdos, escolha um dos nossos planos e assine!
Redação
de R$ 47,60
R$
21
,90
Mensais
Notícias abertas CanalEnergia
Newsletter Volts
Notícias fechadas CanalEnergia
Podcast CanalEnergia
Reportagens especiais
Artigos de especialistas
+ Acesso a 5 conteúdos exclusivos do plano PROFISSIONAL por mês
Profissional
R$
82
,70
Mensais
Acesso ILIMITADO a todo conteúdo do CANALENERGIA
Jornalismo, serviço e monitoramento de informações para profissionais exigentes!

Belo Monte é a hidrelétrica 100% brasileira que mais gerou energia renovável e limpa para o Brasil no primeiro semestre de 2024. Apesar dos efeitos do El Niño, que reduziu as chuvas na região norte, a usina produziu 6% (20.414 GWh) de toda a energia utilizada no país, o equivalente ao consumo de 20 milhões de residências.

Segundo o presidente da Norte Energia, concessionária da Usina Hidrelétrica Belo Monte, Roberto Pinto, a energia produzida por Belo Monte vem garantindo essa segurança energética que o Brasil precisa. Ele ainda afirmou que a Belo Monte segue atuando com responsividade e rapidez no atendimento da demanda, sobretudo em dias de pico de consumo nacional.

Na noite de 15 de março de 2024, por exemplo, devido a menor produção das fontes intermitentes, a geração de Belo Monte chegou a 11.000 MW, 12% da carga nacional consumida naquele período, equivalente ao atendimento de 60 milhões de pessoas. Em 12 de janeiro, entre 19h30 e 21h40, a usina produziu 4.278 MW e segurou a demanda durante pico de consumo do país. Para gerar o mesmo montante de energia por meio de fontes não renováveis, seria emitida cerca de 1,26 tonelada de gás carbônico na atmosfera.

Em 2023, a produção de Belo Monte durante o primeiro semestre foi de 9,4% (29.125 GWh) de toda a energia usada no país, o equivalente ao consumo de 30 milhões de residências. Na ocasião ainda não eram sentidos os efeitos do El Niño, que começou em junho de 2023 e teve seu pico em dezembro de 2023 e janeiro de 2024.