Aneel reduz multa de Furnas para R$ 5,8 milhões por apagão em 2012

Penalidade foi aplicada por problemas de manutenção na UHE Itumbiara que levaram ao blecaute

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica aceitou parcialmente recurso apresentado por Furnas e reduziu multa de R$ 6,5 milhões para R$ 5,8 milhões. A penalidade foi aplicada pela fiscalização da Aneel, que apontou  manutenção e conservação inadequadas de instalações ligadas à hidrelétrica de Itumbiara, que teriam levado ao desligamento simultâneo de cinco das seis  unidades geradoras da usina em 15 de dezembro de 2012. O valor da multa ainda será atualizado.

O incidente em Itumbiara provocou o desligamento simultâneo da linha de transmissão 500kV Emborcação – Itumbiara e o fracionamento do barramento local. Com isso, apenas a sexta unidade geradora da usina continuou em operação. Houve perda de sincronismo entre sistemas, o que levou à interrupção de aproximadamente 8.000 MW de cargas nas regiões Sul e Sudeste, por atuação do Esquema Regional de Alívio de Carga, e em torno de 1.704 MW de cargas pelo desligamento das linhas em Minas Gerais (678 MW), Mato Grosso (553 MW), Acre/Rondônia (87 MW) e Goiás (386 MW).