Aneel libera operação excepcional de UTE no Amapá

Provimento para usina de 36 MW da Eletronorte foi emitido em apoio ao desatendimento energético no estado

As superintendências de fiscalização dos serviços de geração e a de concessões e autorizações, ambas da Aneel, decidiram liberar em caráter excepcional a operação comercial da térmica Santana, com duas unidades geradoras de 18 MW de potência nominal totalizando 36 MW para garantia de geração contínua e ininterrupta de 30 MW, localizada em Macapá (AP) e de titularidade da Eletronorte.

A decisão, publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira, 28 de novembro, por meio do Despacho nº 3.341, não precedeu da necessidade de testes, sendo tomada em apoio emergencial e enquanto perdurar a situação de desatendimento energético no estado do Amapá, considerando a Portaria MME nº 406, de 6 de novembro de 2020, que avaliou a necessidade de contratação de 150 MW para o “equilíbrio conjuntural e estrutural entre a oferta e a demanda de energia no país”, sendo 40 MW imediatos.