A UCB Power anunciou a expansão de suas atividades produtivas em Extrema (MG) visando a fabricação local de soluções de armazenamento de energia da linha UBESS (UCB Battery Energy Storage System). O investimento previsto até 2028 é de R$ 380 milhões e tem o apoio da Invest Minas e do próprio governo mineiro, por meio de incentivos fiscais e financiamento de linhas de crédito especial.

O aporte será realizado em duas etapas, visando a implementação estratégica, eficiente e segura. Na primeira, prevista para esse ano e 2025, os recursos serão destinados à expansão da unidade e com o propósito de validar a evolução e a reação do mercado a demanda pelos produtos. Já na segunda, projetada entre 2025/26, será alugado um terreno para comportar o salto de produção, naquela que será a terceira fábrica da companhia no Brasil.

Segundo a UCB, esse enfoque estratégico permitirá ajustar dinamicamente a produção, mitigando riscos e garantindo que a operação esteja alinhada com as necessidades específicas dos clientes. Adicionalmente, a companhia investirá em um Laboratório de Engenharia de produtos com foco no pós-venda visando atender as demandas pelos equipamentos BESS, que terá ainda o papel de consolidar parcerias com universidades e centros de ensino e pesquisas locais.

O segundo projeto é o de mobilidade elétrica, o qual prevê a construção de uma fábrica de baterias para veículos híbridos, atendendo a demanda da Stellantis. Já o terceiro aponta para a implementação de uma fábrica de células de lítio em Minas Gerais. Além de Extrema, a companhia possui uma fábrica de baterias em Manaus, onde parte da fabricação será utilizada no dimensionamento das soluções de BESS.

“Acreditamos no mercado brasileiro e na evolução das demandas de armazenamento de energia em vários segmentos, de usinas fotovoltaicas às baterias automotivas”, comentou o CEO da empresa, George Fernandes. No total, a expansão abrirá mais de 500 vagas e oportunidades.