Servtec investirá R$ 68 milhões em usinas solares no Brasil

Operação marca a entrada da empresa no segmento de geração distribuída

O grupo Servtec investirá R$ 68 milhões na construção de quatro usinas solares para atender a contratos de geração distribuída. Somando 15 MWp de potência,  os projetos serão construídas nos estados de São Paulo e Bahia, com início de operação até o final do ano. Os contratos de longo prazo foram negociados com um dos principais players do segmento de telecom, de acordo com nota divulgada pela Servetc nesta quinta-feira, 26 de setembro.

Após 20 anos investindo, implantando e operando usinas de geração centralizada que somam 950 MW de potência instalada, o Grupo Servtec Energia inicia suas operações no segmento de geração distribuída. O pipeline de projetos sob análise contempla mais de 40 projetos com potência instalada total superior a 200MWp.

“Este é um mercado bastante promissor no Brasil, que está em estágio inicial de desenvolvimento e opera de forma muito fragmentada ainda. O investimento que estamos fazendo tem o objetivo de apoiar o desenvolvimento desse segmento, que tem espaço para a consolidação de projetos melhores e mais estruturados”, diz Pedro Fiuza, CEO da Servtec Energia.

As plantas adquiridas usam módulos bi-faciais mono cristalinos, tecnologia reconhecida por ser mais eficiente e apresentar melhor produtividade, possibilitando utilização da capacidade produzida próximo a 30%. As plantas foram desenvolvidas pela empresa SolarGrid, referência no desenvolvimento de projetos solares.

“Estamos aplicando, no segmento de geração distribuída, a expertise adquirida ao longo de 20 anos implantando e operando usinas de geração centralizada. Portanto, além de implantarmos projetos greenfiled, estamos também adquirindo projetos em construção ou mesmo operacionais”, reforça Fiuza.