Olá, esse é um conteúdo exclusivo destinado aos nossos assinantes
Para continuar tendo acesso a todos os nossos conteúdos, escolha um dos nossos planos e assine!
Redação
de R$ 47,60
R$
21
,90
Mensais
Notícias abertas CanalEnergia
Newsletter Volts
Notícias fechadas CanalEnergia
Podcast CanalEnergia
Reportagens especiais
Artigos de especialistas
+ Acesso a 5 conteúdos exclusivos do plano PROFISSIONAL por mês
Profissional
R$
82
,70
Mensais
Acesso ILIMITADO a todo conteúdo do CANALENERGIA
Jornalismo, serviço e monitoramento de informações para profissionais exigentes!

A Petrobras adquiriu da AES Brasil, CPFL Soluções e Cemig certificações internacionais que garantem que 100% da energia elétrica utilizada em suas operações industriais e administrativas no Brasil são geradas por fontes renováveis hidrelétrica, eólica ou solar. Os I-RECs (Renewable Energy Certificate) atestam também a participação de fornecedores externos no processo, do chamado escopo 2, termo empregado pela indústria mundial para as emissões associadas ao consumo de energia obtida de colaboradores externos.

Além dos fornecedores, a companhia também consome energia elétrica que é gerada em suas próprias instalações, como plataformas e refinarias, sendo essas de escopo 1. Os certificados fazem parte da primeira iniciativa do portfólio de ações que contou com os recursos do Fundo de Descarbonização da Petrobras, parte dos esforços do Programa Carbono Neutro, que está buscando identificar trajetórias para a neutralidade até 2050 e 30% até 2030, incluindo, entre outras ações, a maior eletrificação das unidades e a integração com fontes renováveis.