Olá, esse é um conteúdo exclusivo destinado aos nossos assinantes
Para continuar tendo acesso a todos os nossos conteúdos, escolha um dos nossos planos e assine!
Redação
de R$ 47,60
R$
21
,90
Mensais
Notícias abertas CanalEnergia
Newsletter Volts
Notícias fechadas CanalEnergia
Podcast CanalEnergia
Reportagens especiais
Artigos de especialistas
+ Acesso a 5 conteúdos exclusivos do plano PROFISSIONAL por mês
Profissional
R$
82
,70
Mensais
Acesso ILIMITADO a todo conteúdo do CANALENERGIA
Jornalismo, serviço e monitoramento de informações para profissionais exigentes!

A Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee) inaugura a sua 17ª Campanha Nacional de Segurança para a prevenção de acidentes com a rede elétrica. Com o slogan “Se ligue! Entre a vida e a sorte, escolha viver com segurança”, a Associação e as 39 distribuidoras associadas buscam chamar a atenção da população para os cuidados necessários com a rede elétrica.

A iniciativa, que teve lançamento no dia 29 de junho, vai fornecer orientações e dicas relacionadas ao uso seguro da rede elétrica para preservar a nossa vida e a de outras pessoas. A semana nacional de segurança com energia elétrica acontece sempre no início de agosto. Este ano, a campanha começou mais cedo para permitir a ampliação das temáticas de conscientização, de forma a trabalhar as mensagens por um período maior, alcançando mais pessoas e com tempo maior de assimilação.

Segundo a Abradee, no último ano foram registrados no Brasil 756 acidentes envolvendo a rede elétrica, dentre esses, 270 foram fatais. O maior número de mortes está relacionado à construção ou manutenção predial, cabo energizado no solo, furto de condutor/equipamento de energia, ligação elétrica clandestina e incidentes com equipamentos e máquinas agrícolas. Embora tenha havido uma queda no número de acidentes, em comparação ao ano de 2021, o alerta permanece.

A campanha tem como foco o público brasileiro em geral, incluindo trabalhadores que atuam como operários de obras e eletricistas, além de crianças, idosos e pessoas que direta ou indiretamente têm funções ou relação com a rede elétrica, seja no ambiente doméstico, lazer ou profissional.