Copel anuncia edital para formação de parcerias com startups

Projeto busca soluções tecnológicas que agreguem valor aos negócios da empresa

A Copel lançou uma chamada pública para atrair startups interessadas em parcerias inovadoras em diversos segmentos tecnológicos relacionados com suas áreas de atuação. A intenção é selecionar produtos, soluções ou serviços que possam agregar valor aos negócios da empresa.  Em troca, as startups selecionadas irão receber contrapartida financeira e profissional para mentoria e infraestrutura.

A chamada pública faz parte do projeto Copel+, recém-lançado pela distribuidora paranaense: “O projeto está estruturado para a busca de novos negócios e otimização de processos internos. O Copel+ estimulará parcerias entre a empresa e startups que desejarem apoiar a Copel nesta jornada”, explicou Marcos Camillo, coordenador do projeto. A parceria terá duração de até seis meses a partir da consolidação do contrato. Neste período, as startups devem desenvolver e implantar a solução proposta.

Os temas apresentados pelas startups estão direcionados na chamada pública, mas podem ser diferentes dos citados caso traga ganhos para os negócios da empresa ou apresente novas áreas de atuação.

A Copel sugeriu que as propostas devam apresentar, em seu contexto, ferramentas que deem mais agilidade nos processos de compras e contratações, diminuição de custos com processos manuais, diminuição de acidentes de trabalho, melhorias em infraestrutura que influenciam no desempenho de indicadores de qualidade, tecnologias que reduzam consumo dos sistemas tradicionais, geração distribuída, mais eficiência do uso de informações.

As inscrições vão até 13 de novembro através do site da empresa. Depois vem a fase de análise e o projeto dentro da companhia começa em janeiro de 2018. A conclusão, com implantação da proposta, será 1º de julho.