Geração à biomassa aumentou 3% em 2019, afirma CCEE

São Paulo, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais lideram produção de energia elétrica para a fonte

A geração de energia das usinas térmicas movidas à biomassa cresceu 3% em 2019 quando comparado ao ano anterior. Ao todo o Brasil produziu 3.108,6 MW médios, superando o resultado de 3.007,1 MW médios de 2018. Os números foram divulgados pela Câmara de Comércio de Energia Elétrica (CCEE) nesta quinta-feira, 20 de fevereiro.

O crescimento decorre principalmente da ampliação do número de empreendimentos dedicados à produção de energia a partir da fonte, sendo 295 usinas contabilizadas em dezembro ante 274 no mesmo mês do ano passado. A capacidade instalada também apresentou crescimento, com 13,09 GW aferidos, 2% maior que os 12,82 GW anteriores.
(fonte: CCEE)

Na análise regional, o estado de São Paulo é o maior produtor de energia pela fonte, alcançando 1.391 MW médios no período, crescimento de 5%. A região possui 41% da capacidade instalada das usinas do tipo no país. Mato Grosso do Sul aparece em segundo lugar, com 514,9 MW médios, e Minas Gerais, com 390,4 MW médios, completam a lista dos maiores geradores a biomassa no ano passado.

(Fonte: CCEE)