Neoenergia troca mais de 400 mil lâmpadas em instituições públicas

Investimentos totalizaram R$ 22,2 milhões até outubro e beneficiaram cerca de 2,7 mil instituições de cinco estados

As distribuidoras da Neoenergia trocaram cerca de 406,5 mil lâmpadas de LED em 2.716 prédios públicos, ONGs, escolas e hospitais em diversos municípios nas suas áreas de concessão – Bahia (Neoenergia Coelba), Pernambuco (Neoenergia Pernambuco), Rio Grande do Norte (Neoenergia Cosern), São Paulo e Mato Grosso do Sul (Neoenergia Elektro). A iniciativa teve investimento total de R$ 22,2 milhões até outubro deste ano e visa reduzir o consumo de energia superior a 8,9 GWh/ano.

Além da economia com energia, o uso de lâmpadas LED traz uma série de benefícios ao usuário como maior vida útil, com duração de aproximadamente 25 mil horas, enquanto as lâmpadas fluorescentes duram 15 mil horas. A tecnologia também causa menos impacto ambiental, pois não comporta elementos tóxicos na sua composição, ao contrário das lâmpadas fluorescentes, que possuem mercúrio, gerador de resíduos prejudiciais ao meio ambiente quando estas são descartadas de maneira irregular em rios e aterros.

A Neoenergia Coelba (BA) realizou a substituição de aproximadamente 86 mil lâmpadas. Entre as instituições públicas beneficiadas, está a Universidade Federal da Bahia, que teve mais de 33 mil lâmpadas substituídas. Já a Neoenergia Pernambuco trocou quase 96,2 mil pontos de luz pelo modelo mais eficiente. Mais de 68,6 mil lâmpadas foram contempladas nas ações da Neoenergia Cosern e, nas da Neoenergia Elektro, o número ultrapassou 154,8 mil.

Além da eficientização da iluminação, as distribuidoras realizam a instalação de sistemas fotovoltaicos para a geração de energia solar. Em 2021, o projeto da empresa na Bahia contemplou a instalação de seis sistemas UFV, totalizando 364,6 kWp. Na Neoenergia, a potência instalada é de 475,7 kWp.