Olá, esse é um conteúdo exclusivo destinado aos nossos assinantes
Para continuar tendo acesso a todos os nossos conteúdos, escolha um dos nossos planos e assine!
Redação
de R$ 47,60
R$
21
,90
Mensais
Notícias abertas CanalEnergia
Newsletter Volts
Notícias fechadas CanalEnergia
Podcast CanalEnergia
Reportagens especiais
Artigos de especialistas
+ Acesso a 5 conteúdos exclusivos do plano PROFISSIONAL por mês
Profissional
R$
82
,70
Mensais
Acesso ILIMITADO a todo conteúdo do CANALENERGIA
Jornalismo, serviço e monitoramento de informações para profissionais exigentes!

A Aliança Energia segue com as obras de modernização da Usina Hidrelétrica de Funil, localizada no Rio Grande, entre os municípios de Lavras e Perdões, no Sul de Minas Gerais. Com potência instalada de 180 MW, a usina tem capacidade para abastecer uma cidade com 500 mil pessoas.

De acordo com a empresa, a terceira e última fase do projeto de modernização da Usina Hidrelétrica de Funil teve início no dia 31 de julho e contempla a modernização da Unidade Geradora 3, vertedouro e tomada d’água. A previsão das obras é de 90 dias.

Na unidade geradora estão sendo modernizados os sistemas de supervisão, controle, proteção, regulação de velocidade e tensão, bem como toda a instrumentação. Quando a obra estiver concluída, a tomada d’água terá um painel integrado para controle e supervisão das comportas dessa estrutura, bem como redundância do vertedouro. As comportas do vertedouro serão equipadas com nova instrumentação e painéis de controle de última geração, alinhados com as mais avançadas tecnologias. Cerca de 50 colaboradores altamente qualificados estão empenhados no desenvolvimento dessas atividades em campo.