Neoenergia cria solução de gestão e análise de dados em LTs

Novo sistema prevê redução do tempo de indisponibilidade e aponta taxa de erro na localização da falha abaixo de 2%

A Neoenergia, em parceria com o Centro Integrado de Tecnologia da Informação (CITi) – empresa júnior do centro de informática da UFPE, acaba de desenvolver uma solução para corrigir com rapidez e efetividade possíveis falhas em equipamentos de transmissão da empresa.

Denominado por Gestão e Análise de Linhas de Transmissão (GALT), o sistema utiliza metodologias ágeis e se tornou o mais novo projeto de inovação da companhia para reduzir indisponibilidades após ocorrências naturais do processo técnico de operação.

A criação e o desenvolvimento foram realizados entre as áreas de Inovação e Sustentabilidade e de Operação e Manutenção (O&M) de Transmissão, contando ainda com as validações feitas pelo departamento de TI.

Para realizar e dispor a análise prévia de eventos de desligamento de LTs a plataforma utiliza dados das oscilografias (metodologia de localização de faltas por sequência negativa) e indica as possíveis causas de ocorrências identificadas.

Até o momento foram analisados 37 casos de falhas reais que incorporam o Sistema Interligado Nacional, com características diferentes como fases envolvidas, impedâncias de contato e causas diversas. A variação entre as coordenadas reais da falha e o local indicado pelo GALT apontam a taxa de erro com uma média igual a 1,73%, considerando o comprimento total da linha.

O GALT tem se mostrado eficaz no cálculo de localização, possibilitando que a equipe se desloque com mais precisão para realizar a inspeção. Além disso, traz informações estatísticas do desempenho das linhas e das causas que deram origem aos desligamentos, contribuindo para a elaboração de um plano de ação corretivo mais focado e eficiente.