Energisa investe no reflorestamento de área indígena no Acre

Projeto prevê o plantio de 5 mil árvores, além da construção de um viveiro e banco de sementes, entre outras ações com o povo Yawanawá

A Energisa está apoiando o reflorestamento da Aldeia Nova Esperança, região habitada pelo povo Yawanawá, no Acre. A comunidade indígena está localizada no município de Tarauacá. Da cidade até a aldeia, é necessário enfrentar uma viagem de uma hora de estrada até o vilarejo de São Vicente e, depois, mais cerca de 8h de barco no Rio Gregório.

O projeto realizado pela Aliança Reflorestar e Instituto Rever, com patrocínio de R$ 750 mil da Energisa, promove a restauração da paisagem local por meio de plantios em sistemas agroflorestais, incluindo espécies frutíferas. Dessa forma, beneficia a biodiversidade da floresta e, também, contribui para a segurança alimentar e para o sustento da comunidade.

Na primeira etapa do projeto, realizada no início deste ano, já foram plantadas 1.640 árvores, além de ser construída uma sementeira e um viveiro com capacidade para 7 mil mudas. A segunda etapa da ação foi realizada em abril, com a continuação do plantio e a criação do banco de sementes. Serão plantadas no total 5 mil mudas de árvores frutíferas – como coco, ingá, graviola e limão, entre outras -, além de espécies pioneiras e de madeira de lei. A comunidade Yawanawá também receberá treinamento em arborismo para a coleta de sementes no alto das árvores.