Ocorrências cortam 239 MW do SIN

Cargas da Equatorial no Pará e da Enel no estado de São Paulo ficaram mais de 40 minutos interrompidas da rede no último sábado (27) e na sexta-feira (26)

Na manhã do último sábado (27), o desligamento automático da transformação 230/69 kV da subestação Miramar, registrada às 08:33 horas pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), levou ao desarme do setor de 69 kW do ativo da Eletronorte localizado em Belém (PA), interrompendo 110 MW da Equatorial Pará em parte da região metropolitana da capital.

Segundo o boletim diário do Operador, a recomposição do sistema afetado foi realizada via rede de distribuição, com a transferência sendo concluída em 50 minutos. Já a normalização dos equipamentos foi finalizada três minutos depois, às 09:26 horas.

Outra ocorrência verificada na rede aconteceu na manhã da última sexta-feira (26), mais precisamente às 09:31 horas, quando o desarme das linhas de transmissão em 230 kV e circuito duplo Anhanguera/Centro CTT, Centro CTT/Centro CTR e da subestação Centro CTR, sob responsabilidade da ISA Cteep, provocaram o corte de 129 MW da Enel Distribuição São Paulo.

O primeiro circuito das LTs foi religado e as cargas recompostas em 42 minutos. Os outros circuitos constam no documento com previsão de retorno para tarde do sábado (27), o que não foi confirmado no boletim do referido dia, nem nessa segunda-feira, 29 de junho.