Aneel aprova indenização de R$ 5 bilhões para a Chesf

Valor será pago por investimentos não amortizados em antigas instalações de transmissão

A Chesf vai receber R$ 5,092 bilhões em indenização pelas instalações de transmissão da Rede Basica que estavam em operação comercial em maio de 2000. O valor aprovado pela Agência Nacional de Energia Eletrica nesta terça-feira, 2 de agosto, cobre todos os investimentos não amortizados desses empreendimentos. 

As instalações da chamada Rede Básica do Sistema Existente, ou RBSE, estão incluídas nos contratos de concessão renovados pela estatal em 2013, nas condições impostas pela Medida Provisória 579 para a renovação das concessões do setor elétrico. Até agora, apenas os ativos da Rede Básica de Novas Instalações,a RBNI, implantados a partir de abril de 2000, foram indenizados Tesouro.