CPFL Santa Cruz e Senai iniciam inscrições para o curso gratuito da Escola de Eletricistas

Projeto busca inserir 12 pessoas no mercado de trabalho e capacitá-las para o desenvolvimento de atividades nas redes elétricas de distribuição

A CPFL Santa Cruz (SP) anunciou a abertura das inscrições para o curso Formação de Eletricista de Rede de Distribuição Elétrica, promovido pela Escola de Eletricistas. O curso, em parceria com o Senai e o Posto de Atendimento ao Trabalhador – PAT -, será gratuito e acontecerá entre fevereiro e maio de 2018, nas cidades de Ipaussu e Santa Cruz do Rio Pardo.

As inscrições podem ser realizadas entre os dias 18 de dezembro e 20 de janeiro, na própria Escola Senai Geraldo Vieira Martins, em Santa Cruz do Rio Pardo. É necessário ter mais de dezoito anos e apresentar o RG, a Carteira Nacional de Habilitação na categoria e o certificado de Ensino Fundamental completo. As inscrições são limitadas para um número de 200 pessoas, e ocorrerá por ordem de chegada. A Escola de Eletricistas irá oferecer 12 vagas aos interessados nas atividades de eletricistas. A ideia é fomentar o desenvolvimento pessoal e o profissional, contribuindo para a inserção de alunos formados no mercado de trabalho. Apesar de não garantir uma vaga no quadro de funcionários da empresa, a iniciativa já capacitou 362 pessoas desde 2011, das quais 217 foram contratadas pelas distribuidoras do Grupo.

No processo seletivo, os candidatos realizarão uma prova de conhecimentos gerais, teste em altura, teste psicológico, entrevistas, e exames médicos. Entre os dias 24 de janeiro e 5 de fevereiro, as etapas ocorrerão na Escola Senai e no Centro de Treinamento da CPFL em Ipaussu, cidade próxima à Santa Cruz do Rio Pardo.

As aulas teóricas serão realizadas na Escola Senai “Geraldo Vieira Martins”, em Santa Cruz do Rio Pardo. Já as práticas serão ministradas no Centro de Treinamento da distribuidora, em Ipaussu.

“Na Escola de Eletricistas, os alunos entram em contato com teorias, técnicas e práticas do trabalho de eletricista e são orientados sobre questões relacionadas à segurança do trabalho. Ao final, havendo disponibilidade, os candidatos que tiverem aproveitamento satisfatório poderão ser contratados para trabalhar em uma das nove distribuidoras da CPFL Energia”, explicou o gerente de Educação Corporativa da empresa, Flavio Roberto Allbrandt Faria.