Neoenergia contrata cerca 1,6 mil eletricistas

A previsão da empresa para o início de 2022 é abrir 19 novas turmas da Escola de Eletricistas, em todas as áreas de concessão

A Neoenergia contratou, em 2021, cerca de 1,6 mil profissionais formados pela Escola de Eletricistas, iniciativa promovida pelas distribuidoras do grupo para oferecer capacitação gratuita para moradores das suas áreas de concessão.

A Escola de Eletricistas é realizada em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industria (Senai) nos estados do Nordeste e no Distrito Federal. Em São Paulo, a formação é oferecida pela Fundação de Apoio à Tecnologia (FAT). De acordo com a companhia, desde 2020 foram formadas mais de 1,7 mil pessoas em 70 turmas, nas cinco distribuidoras, Neoenergia Coelba (BA), Neoenergia Pernambuco (PE), Neoenergia Cosern (RN), Neoenergia Elektro (SP e MS) e Neoenergia Brasília (DF), que podem atuar como eletricistas em diversas vagas.

Desde o início da pandemia, as aulas teóricas migraram para o ambiente virtual e a prática continuou sendo presencial, em campos de postes, seguindo os protocolos de saúde e segurança para prevenção à covid-19, como o uso de máscaras, o reforço da higiene e o distanciamento entre os alunos. A previsão da empresa para o início de 2022 é de abrir 19 novas turmas da Escola de Eletricistas, em todas as áreas de concessão. As inscrições para participar da capacitação são realizadas de acordo com as vagas e os processos de seleção de novos alunos são anunciados pelas distribuidoras.