TBG conclui chamada pública com contratação de capacidade firme de saída

Companhia já prepara o lançamento da CP 04/2022, previsto para o início do segundo semestre

A TBG conclui no dia 22 de junho a chamada pública 03/2021, com todos os contratos assinados. Com isso, o início da prestação do serviço de transporte da capacidade firme contratado acontecerá a partir de 1º de julho.

Além das contratações pela Petrobras, houve a contratação de capacidade firme de saída pelo segmento da indústria que consome gás, em especial distribuidoras de gás, entre os quais: SCGás e Sulgás. Até então, a Petrobras era a única empresa a assinar quase que a totalidade dos contratos firmes decorrentes de Chamadas Públicas (CPs), a exemplo do que ocorreu nas CPs 01 e 02.

Segundo a TBG, a disputa por capacidade nas Zonas de Saída SC2 e RS1 (em Santa Catarina e Rio Grande do Sul, respectivamente) gerou uma requisição de transporte acima da capacidade existente, tornando-se um gatilho para expansão imediata do respectivo trecho. Com isso, a TBG prontamente apresentou à ANP e aos participantes da CP03 uma proposta técnica com compromisso de entrega de capacidade adicional no trecho sul do Gasoduto com início da operação previsto para 01 de janeiro de 2024.

Diante deste resultado positivo, a TBG está preparando o lançamento da CP 04/2022, previsto para o início do segundo semestre, quando será oferecida a capacidade remanescente não contratada para o período de 2023 a 2026, além de toda a capacidade existente para 2027 (com exceção dos contratos legados).

Além disso, a TBG pretende ainda lançar, no segundo semestre de 2022, a Chamada Pública Incremental, que dará a oportunidade aos agentes de contratar capacidade nova de transporte, e promovermos um projeto de expansão maior para o duto, atendendo a demanda reprimida do Sul do país.