Olá, esse é um conteúdo exclusivo destinado aos nossos assinantes
Para continuar tendo acesso a todos os nossos conteúdos, escolha um dos nossos planos e assine!
Redação
de R$ 47,60
R$
21
,90
Mensais
Notícias abertas CanalEnergia
Newsletter Volts
Notícias fechadas CanalEnergia
Podcast CanalEnergia
Reportagens especiais
Artigos de especialistas
+ Acesso a 5 conteúdos exclusivos do plano PROFISSIONAL por mês
Profissional
R$
82
,70
Mensais
Acesso ILIMITADO a todo conteúdo do CANALENERGIA
Jornalismo, serviço e monitoramento de informações para profissionais exigentes!

A Agência Nacional de Energia Elétrica deu provimento à solicitação da Petrobras, aprovando o Custo Variável Unitário (CVU) da termelétrica Canoas em R$ 1.066,54 o MWh com a inclusão dos custos fixos, e determinando que a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) atualize os valores. Caberá ao Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) aplicar os valores atualizados para fins de planejamento e programação da operação eletroenergética do Sistema Interligado Nacional (SIN), a partir da primeira revisão do Programa Mensal de Operação (PMO).

(Divulgação: Aneel)

A Aneel também deu provimento parcial à solicitação da Petrobras para aprovação do Custo Variável Unitário (CVU) da termelétrica Nova Piratininga. O CVU da usina da Petrobras ficará em R$ 589,47/MWh sem custos fixos e em R$ 787,31/MWh com custos fixos. Caberá ao Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) aplicar os valores atualizados para fins de planejamento e programação da operação eletroenergética do Sistema Interligado Nacional (SIN), a partir da primeira revisão do Programa Mensal de Operação (PMO).

(Divulgação: Aneel)