Para State Grid, ativos da Abengoa são complexos

Negociação para compra de LTs da espanhola está sendo feita pela matriz da empresa, na China

Uma das potenciais candidatas a comprar as linhas de transmissão da Abengoa no Brasil, a State Grid continua negociando a aquisição dos ativos. O CEO da empresa no Brasil, Cai Hongxian, avisa que as conversas estão sendo conduzidas pela sede da empresa, na China e que ainda seguem. O executivo, que participou de evento na Fundação Getúlio Vargas no Rio de Janeiro (RJ), considera os ativos da empresa complexos e complicados. Segundo ele, a empresa tem expertise para adquirir ativos de outros players. 

A expectativa é que a transmissora chinesa compre somente os ativos em operação no Brasil, sem levar os que estão em construção. Os ativos em construção não seriam financeiramente atrativos, o que estaria motivando a relicitação dos projetos. Já há um processo de caducidade das concessões aberto na Agência Nacional de Energia Elétrica.