Incorporação da Endesa Américas e Chilectra pela Enersis completa mais uma etapa

A partir do dia 1º de dezembro, Enersis Américas passa a se chamar Enel Américas

A Enel anunciou em comunicado que as subsidiárias Enersis Américas, Endesa Américas e Chilectra Américas já têm o aval documental para o movimento de incorporação da Endesa Américas e da Chilectra Américas pela Enersis Américas. A incorporação vai entrar em vigor a partir do próximo dia 1º de dezembro de 2016 e a partir desse momento, a Enersis Américas mudará sua denominação para Enel Américas.

De acordo com o comunicado, com as retiradas feitas pelos acionistas que não aprovaram a incorporação e as aceitações recebidas na oferta pública lançada pela Enersis Américas para o free float da Endesa Américas, a Enel controlará indiretamente por meio de suas controladas 51,8% do capital social da Enel Américas.

No último dia 8 de novembro, a Enel no Brasil anunciou a unificação da sua marca para todas as suas subsidiárias. A Ampla (RJ) passou a se Enel Distribuição Rio e a Coelce (CE), Enel Distribuição Ceará. Outras subsidiárias do grupo, como a UHE Endesa Cachoeira Dourada (GO – 658 MW) passou a se chamar Enel Green Power Cachoeira Dourada e a termelétrica Endesa Fortaleza (CE – 346 MW) agora é Enel Geração Fortaleza. A transmissora Endesa Cien virou Enel Cien.