Software do Construtivo auxilia State Grid na gestão de projetos de LTs

Colaborativo organiza documentos das obras e traz confiabilidade para informação

Os projetos de transmissão de energia da chinesa State Grid no país, como as linhas de transmissão das hidrelétricas de Belo Monte e Teles Pires utilizam o software de colaboração em nuvem do Construtivo, empresa de Tecnologia da Informação. Esses tipos de projetos geram grande fluxo de documentos que são emitidos em diversos pontos por colaboradores de diferentes áreas, como engenharia, gestão de projetos, canteiro de obras, planejamento e fornecedores. Mesmo sendo uma administração centralizada, o processo é todo compartilhado, já que os documentos precisam estar disponíveis para diversas pessoas e em locais diferentes.

A solução, fornecida no modelo Software as a Service, está sendo utilizada em todo o relacionamento dos colaboradores, desde a elaboração do projeto até execução da obra. A principal importância de ter os documentos em nuvem e com controle de versão, segundo a State Grid, é a confiabilidade e a rastreabilidade da informação, ou seja, com a ferramenta é possível saber quem está gerando a informação dentro do sistema e para quem será direcionado cada documento. De acordo com o responsável de planejamento do projeto TP2, Vinicius Cruz, o Colaborativo vai além da gestão eletrônica de documentos tradicional, porque fornece inteligência por meio do recurso de workflow com alertas e perfis de acesso que permitem dar sequência a cada projeto, tal como a análise, a revisão, a aprovação e a execução.

Entre os exemplos de melhorias, os processos e as rotinas da gestão de projetos, que apresentavam dificuldades de controle das diferentes versões, que resultava em demora na elaboração dos projetos e, consequentemente, gerava prejuízo. Já o gerenciamento das informações é obtido por meio de indicadores e dashboards automáticos, que fornecem dados de evolução do projeto, produtividade e assertividade dos fornecedores. O Colaborativo, que foi utilizado desde a construção de Belo Monte, permite a otimização do processo a partir de um ambiente seguro e único, que dá condições de armazenar, consultar e organizar documentos que estão completos ou em andamento. Segundo Marcus Granadeiro, presidente do Construtivo, o tempo que seria utilizado para gerenciar todos os processos é gasto com produtividade da equipe.