BP prevê que renováveis devem crescer 6,6% ao ano até 2035

Demanda por energia deverá subir 34% entre 2014 e 2035, 1,4% ao ano

A BP prevê que as energias renováveis devem crescer cerca de 6,6% ao ano até 2035, segundo a edição de 2016 do seu Energy Outlook. Essas fontes devem representar mais de um terço do crescimento na geração de energia no período, sendo que a União Europeia vai continuar na liderança no uso de renováveis. O rápido crescimento dessas fontes, ainda de acordo com a BP, é suportado pela constante redução dos custos, que na eólica onshore poderá chegar a 25% e na solar fotovoltaica, a 40%, nos próximos 20 anos.

A demanda de energia deverá subir 34% entre 2014 e 2035, 1,4% ao ano. As fontes fósseis, no entanto, vão continuar dominando a geração de energia no mundo, segundo a BP, sendo responsável por cerca de 60% da nova capacidade e em torno de 80% da energia gerada em 2035. O gás é o combustível fóssil que tem a maior taxa de crescimento: 1,8% ao ano. O petróleo, continua a empresa, deve crescer 0,9% ao ano, com tendência de redução na participação.