Produção de gás natural bate recorde em agosto, segundo ANP

Aproveitamento do recurso no mês chegou a 95,4%. Produção de petróleo também registra recorde

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis divulgou na última quinta-feira, 1º de outubro, o novo recorde da produção de gás natural no Brasil. Segundo a ANP, foram gerados 99,2 milhões de metros cúbicos por dia, valor que ultrapassa os 96,6 milhões de metros de cúbicos por dia produzidos em janeiro de 2015. Houve ainda crescimento de 4,1% frente ao mês anterior e de 9,2% na comparação com o mesmo mês em 2014.

O aproveitamento de gás natural no mês alcançou 95,4%. A queima de gás em agosto chegou a 4,6 milhões de metros cúbicos por dia, um aumento de 15,5%, se comparada ao mês anterior, e de 1,4% em relação ao mesmo mês em 2014. O principal motivo para o aumento da queima de gás natural foi o comissionamento da FPSO Cidade de Itaguaí, localizada no campo de Lula, na Bacia de Santos, que produziu uma média de 16,6 milhões de metros cúbicos por dia.

A ANP divulgou ainda os dados sobre a produção de petróleo no Brasil, que também registrou recorde. O recurso atingiu a produção de 2,547 milhões de barris por dia, o que supera o recorde de dezembro de 2014, quando foram produzidos 2,497 milhões de barris por dia. Também houve aumento de 3,3% na comparação com o mês anterior e de 9,5% em relação ao mesmo mês de 2014. A produção total de petróleo e gás natural no Brasil no mês de agosto alcançou aproximadamente 3,171 milhões de barris de óleo equivalente por dia. O campo de Lula, na Bacia de Santos, foi o maior produtor dos dois recursos.