Reservatórios do Nordeste operam com apenas 14,1% da capacidade

No Sul, usina de Machadinho registra volume de 99,48%

Os reservatórios da região Nordeste apresentam queda de 0,1% e estão operando com 14,1% da capacidade de armazenamento. De acordo com dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico referentes ao último dia 28 de setembro, a energia armazenada é de 7.309 MW mês e a energia natural afluente é de 1.404 MW med, o mesmo que 42% da média de longo termo armazenável no mês até o dia. A usina de Sobradinho está com 8,50% da sua capacidade.

No Norte, os níveis estão em 38%, caindo 0,8% na comparação com o dia anterior. A energia armazenada é de 5.636 MW mês e a ENA é de 1.173 MW med, que equivale a 65% da MLT. A usina de Tucuruí opera com 40,97%. No Sul, os reservatórios estão com 77,2%, com alta de 1% em relação ao dia anterior. A energia armazenada é de 15.422 MW mês e a ENA chega a 35.124 MW med, que corresponde a 83% da MLT. A usina de Machadinho registra volume de 99,48%.

No Sudeste/Centro-Oeste, os níveis caíram 0,1% em média e os reservatórios estão com 32,6% da sua capacidade. A energia armazenada é de 66.847 MW mês e a ENA é de 17.591 MW med, o mesmo que 121% da MLT. As usinas de Marimbondo e Jurumirim operam com 48,02% e 59,37% das suas capacidades, respectivamente.

Outras informações sobre níveis de armazenamento, por submercado ou pelos principais reservatórios do país, bem como a geração de gráficos comparativos, podem ser acessadas na Seção Reservatórios do Monitor Energia, disponível para assinantes do CanalEnergia Corporativo.