New Holland entra para Abiogás

Fabricante de tratores e retroescavadeiras foi pioneira ao trazer para o Brasil o primeiro trator movido por biometano

A fabricante de máquinas e equipamentos, New Holland, se junto ao quadro de empresas da ABiogás. A companhia atua diretamente na fabricação de produtos como tratores e colheitadeiras e retroescavadeiras que são vendidos por todo o mundo.

Já na área de biometano, a empresa foi pioneira e trouxe ao Brasil o primeiro trator movido pela fonte. O veículo é um protótipo feito a partir do modelo T6.140, da New Holland Agriculture. Com uma autonomia de aproximadamente seis horas de trabalho, o abastecimento a biometano garante uma economia de 40% em comparação ao diesel. Outro diferencial é a redução da emissão de gases poluentes em 80%.

O gerente de marketing de produto da New Holland, Nilson Righi, conta que um dos pilares dessa estratégia é o uso de combustíveis alternativos, menos poluidores e mais econômicos. O biometano se encaixa perfeitamente neste quadro e a empresa trabalha juntamente com a marca de motores FPT Industrial no desenvolvimento de produtos com a tecnologia.

“Acreditamos que no momento a melhor forma de realizarmos esta aproximação é através da ABiogás, pois entendemos que todos os players-chave deste mercado estão associados. Fundamental para nosso networking”, avaliou. Righi.

O executivo lembra ainda que a companhia tem como parte do seu DNA trabalhar com produtos que vão ao encontro, na medida do possível, com um meio ambiente mais saudável e produtivo. “É o que buscamos com a nossa estratégia de liderança em energia limpa”.

Com a chegada de mais uma nova associada, a ABiogás soma mais uma empresa do setor ao rol de importantes agentes do Brasil e do mundo que se dedicam ao desenvolvimento, produção, comercialização e consumo do biogás e do biometano.

Segundo o presidente da Associação, Alessandro Gardermann, a iniciativa de união da New Holland irá trazer mais força e respaldo ao setor, junto ao tomadores de decisões para criação de políticas públicas que viabilizem de vez a inserção da fonte na matriz energética, como a criação de leilões de energia, simplificação tributária e desonerações na cadeia produtiva de equipamentos para a cadeia de produção de biogás e biometano.

“Em nome da ABiogás, damos as boas-vindas à New Holland. Estamos muito felizes em ver como o setor privado e grandes companhias enxergam a viabilidade social, econômica e ambiental do biogás e do biometano”, saudou Gardermann.