BYD coloca ônibus 100% elétrico em operação em Volta Redonda

Empresa entregou três modelos D9W que emitem menos poluentes e tem baixo custo de manutenção. Veículos são os primeiros totalmente movidos por eletricidade a circular no estado do Rio de Janeiro

Os primeiros ônibus totalmente elétricos do estado do Rio de Janeiro já se encontram em circulação pelas ruas de Volta Redonda. A entrega oficial de três veículos modelo BYD D9W com carroceria Caio Millenium foi concluída na quarta-feira passada, 15 de agosto, em cerimônia que contou com a presença do Prefeito de Volta Redonda, Sr. Samuca Silva, do Secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Sr. Joselito Magalhães, do Presidente da BYD do Brasil, Sr. Tyler Li, do Vice-Presidente Sênior de Vendas da BYD, Sr. Wilson Pereira e do Gerente Nacional de Vendas da BYD, Sr. Silvestre Souza, dentre outras autoridades.

Cumprindo com o plano governamental, os veículos tem sido utilizados para o projeto Tarifa Comercial Zero e circulam gratuitamente nos quatro principais pontos comerciais do município: Vila Santa Cecilia, Centro, Aterrado e Retiro. O período de testes iniciou em 18 de julho deste ano e a linha teve quase 100% de aprovação dos usuários e também dos comerciantes do Centro.

O prefeito da cidade, Samuca Silva, destacou que, além de ser um projeto inovador, a iniciativa aquece a economia, levando os consumidores aos principais centros comerciais da cidade sem interferir nas linhas convencionais. “Os veículos não provocam poluição sonora e nem atmosférica. Com tudo isso, vamos melhorar a mobilidade de Volta Redonda”, avaliou o prefeito.

Para Tyler Li, Presidente da BYD do Brasil, “o ônibus elétrico é uma tecnologia promissora na busca por um transporte público menos poluente e com menor custo de manutenção”. Com cada vez mais grandes metrópoles globais realizando testes e implementando esse tipo de veículo em suas vias públicas, ele entende que o ônibus elétrico vai “deixarde ser apenas uma ideia do futuro, firmando-se dia a dia como realidade”.

Redução de poluentes locais

Os ônibus elétricos representam um grande instrumento para a redução de poluentes locais e de gases causadores do efeito estufa. Na média, cada veículo desses em operação urbana reduz cerca de 1,8 toneladas de CO2 equivalentes, o que representa o plantio de mais de 11 árvores ao ano, além de evitar a emissão local de 118,814 kg de NOX e 1,152 kg de material particulado, os dois maiores vilões para a saúde pública. Esses valores se referem a comparação aos ônibus diesel novos, Euro 5, com rodagem média de 6.000kms/mês.